Coordenadora de gestão fala sobre mudanças na FAPUGA

Coordenadora - Fapuga

Em setembro de 2021, a Dra. Thais Carmo assumiu o posto de Coordenadora das graduações da Faculdade Ana Carolina Puga (FAPUGA). Com um histórico de boas qualificações em diversas faculdades de São Paulo-SP, ela se mostra otimista com as mudanças para o próximo semestre.

Graduada em Farmácia e pós-graduada em Gestão Hospitalar pela USP, Mestre em Educação pela UNIMEP e Doutora em Saúde Pública pela USP, a nova Coord. de cursos da FAPUGA comenta sobre sua experiência:

“Estou no meu primeiro mês de trabalho, conhecendo a instituição e elaborando estratégias e processos de trabalho. Está sendo muito desafiador e ao mesmo tempo estimulante. Começar praticamente junto com uma nova instituição, ajudar a estruturar os cursos, participar da definição de projetos é muito instigante”, declara a Dra. Thais.

Metodologia EAD facilita acesso aos discentes

Como fator central da instituição, cada vez mais se faz necessário entender o perfil dos discentes da FAPUGA e suas necessidades como graduandos. Por isso, uma das primeiras ações da Dra. Thais como Coordenadora foi realizar uma reunião para que pudesse ter um panorama geral das demandas.

“Atualmente, os alunos da FAPUGA são na grande maioria trabalhadores, que estão há algum tempo fora da escola e que moram distantes de outras faculdades. Já realizei uma reunião com eles e o retorno foi muito positivo. Avaliaram muito bem os cursos, os professores e a estrutura da instituição”, conta ela.

A questão da distância se faz presente nos tópicos de discussão interna e fóruns estudantis. Justamente por ficar localizada na grande São Paulo, a IES notou que o ensino EAD facilitou o acesso dos alunos à graduação. “O ensino na modalidade à distância permite uma flexibilidade ao aluno, que no presencial é muito difícil de acontecer. Ele pode programar seus horários e dividir o seu tempo para a realização das atividades pedagógicas. Isso facilita muito a organização do aluno que trabalha”, explica a Dra. Thais.

Apesar da flexibilidade proporcionada pelo ensino à distância, a coordenadora ainda salienta que essa metodologia exige um comprometimento maior do aluno, visto que ele se torna o elemento central de sua educação. “A maioria das pessoas não têm essa compreensão. Acha que o ensino à distância é mais fácil, que tem menos cobrança. Mas, sem a presença física do professor, quem é o responsável pelo processo de aprendizagem é o aluno. Ele é o protagonista, e neste sentido, tem que saber organizar seu tempo e seus compromissos.” 

Mudanças na FAPUGA para o próximo semestre 

Com planos promissores, a Coordenadora afirma que pretende adequar os processos acadêmico-administrativos para atender as diretrizes do MEC, bem como atualizar as matrizes curriculares dos cursos frente às demandas do mercado de trabalho e, principalmente, implementar os estágios para o Curso de Administração.

Além disso, a Dra. Thais afirma que deseja integrar cada vez mais a FAPUGA com o Núcleo de Estudos Ana Carolina Puga (Nepuga). 

“Um olhar especial será dado para o desenvolvimento de projetos de extensão, envolvendo professores e alunos. Em um primeiro momento, a intenção é oferecer mentorias e consultorias para os alunos dos cursos de pós-graduação do NEPUGA. Vamos aproveitar a expertise dos nossos professores para contribuir com a gestão das clínicas e consultórios de estética.”

A intenção é identificar as principais dificuldades e problemas dos alunos e buscar estratégias de resolução. 

A médio prazo, a proposta é ampliar a mentoria para os alunos da graduação e contribuir, principalmente, para o estímulo e o desenvolvimento de um comportamento empreendedor. Desta forma, a FAPUGA visa oferecer ferramentas para formar profissionais que tenham um conhecimento teórico sólido e, ao mesmo tempo, habilidades práticas.

Você pode gostar:

nepuga